0800-7033-500Bem-vindo(a) ao blog da HOSPFAR, voltar para o site.

Marcelo Perillo dá dicas para o combate a Hipertensão

Home / Saúde / Marcelo Perillo dá dicas para o combate a Hipertensão

Marcelo Perillo dá dicas para o combate a Hipertensão

A hipertensão arterial que pode ser chamada também de pressão alta, atinge cerca de ¼ da população adulta no Brasil. Conhecida como uma doença silenciosa, a hipertensão é mais comum no sexo feminino e quando detectada, ela exige que o hipertenso mude totalmente seu estilo de vida, caso contrário doenças mais graves poderão surgir com o agravamento da hipertensão.

A hipertensão deve ser tratada corretamente

Quando a hipertensão não é tratada corretamente outros problemas de saúde surgem, como a arteriosclerose. Marcelo Perillo esclarece que esse problema é basicamente o estreitamento e o endurecimento das artérias que levam oxigênio e nutrientes para o corpo, isso ocorre devido o excesso de gordura e colesterol no organismo de uma pessoa hipertensa.

A arteriosclerose só é descoberta até que uma pessoa sinta dor no peito ao fazer um esforço ou até mesmo estando em repouso. Mudanças nos hábitos alimentares podem ajudar no tratamento da doença e consequentemente no tratamento da hipertensão, afirma Marcelo Perillo.

Alimentos no combate a hipertensão

Alguns alimentos que consumimos no dia a dia podem auxiliar no combate a hipertensão, veja alguns que Marcelo Perillo recomenda:
● Leite e seus derivados devem fazer parte da alimentação balanceada de um hipertenso – o calcio diminui a pressão sanguínea e elimina o sódio desde que sejam consumidos as versões desnatadas e com baixo teor de gordura;
● Amêndoa e Noz são ótimas para amplificar os vasos sanguíneos, também são ricas em vitamina E o que ajuda a retardar complicações cardíacas e o envelhecimento;
● Azeite ou qualquer alimento rico em ômega 3 esse tipo de alimento ajuda na diminuição da vasoconstrição e ao aumento da vasodilatação;
● Salsa, cebolinha, coentro, alecrim, a sálvia e o manjericão são temperos naturais e podem substituir o sal nos alimentos. Dessa forma a retenção de líquido no organismo é menor, diminuindo os riscos de doenças cardíacas.

Aumento dos casos

Em 2006 tínhamos 21,6% dos brasileiros com hipertenão, esse dado aumentou para 23,3% em 2010 e com certeza está aumentando com o passar dos dias.
Marcelo Perillo diz ainda que esses números só podem diminuir quando as pessoas passarem a ter hábitos mais saudáveis, praticar atividades físicas, evitar o stress e não fumar.

Postagens Recentes
marcelo perillo